Cotonete on Facebook!!!

Cotonete Records | Tel. 258 82 4471440 | MSN/Email: Cotoneterec@gmail.com | Maputo - Moçambique


sexta-feira, 2 de maio de 2008

Azagaia ouvido pela PGR e posição de Alice Mabota


Segundo o semanário "Savana" desta semana, em texto de E. Beula, o rapper moçambicano Azagaia - Edson da Luz de seu real nome - foi ouvido na Procuradoria da República da cidade de Maputo a propósito da sua canção Povo no poder. "Quiseram saber se algumas passagens da letra "Povo no Poder" incitam ou não à violência", afirmou o músico ao jornal. A advogada de Edson é Maria Alice Mabota, presidente da Liga dos Direitos Humanos, que declarou ao jornal que a letra foi composta após as manifestações de 5 de Fevereiro e que depois da sua publicação não se registaram mais manifestações. A advogada afirmou ao semanário que a letra é reveladora duma verdade, pois "depois da manifestação popular o governo viu-se forçado a tomar uma posição (interrupção da tarifa contestada e anúncio da medida compensatória aos "chapas")", logo, segundo Alice, "o povo está no poder". Sobre a procuradoria, Alice Mabota afirmou que "a mesma pretende amedrontar Azagaia, feito que "não vai lograr posto que ele não está sozinho". Observação final do jornal: "A presidente da LDH confessou que gosta da música "Povo no Poder" e promete acompanhar o jovem autor até ao fim da procissão" (p. 31).

Nota: Texto retirado do Diario de um sociologo, do Professor Carlos Serra, na URL: http://www.oficinadesociologia.blogspot.com/.

2 comentários:

....Kevin.... disse...

GRANDE HOMEM AZAGAIA, SO ESTOU AQUI PARA DIZER, CONTINUA ASSIM MANO ...E NUNCA TE SINTAS AMEDRONTADO ... PORQUE O POVO DO PODER ESTA CONTIGO ...!!!!

Anônimo disse...

Escutei Hip hop Sava e derreti-me todo, que voz poderosa. QUERO VER E OUVIR A IVETE CANTAR, digam-me apenas onde e quando.